Juntos somos mais fortes!

Atualmente as transações financeiras são utilizadas para quase tudo, transferências bancárias,TED, DOC, entre outros, e esses meios são parte de um caminho que está longe do fim. O Banco Central visa acelerar o lançamento do Real Digital, no ano que vem, essa novidade trará a substituição do papel pela moeda eletrônica. O Pix, é um exemplo dessa novidade, esse método de pagamento, lançado em novembro de 2020 chegou a representar 30% do total de transações bancárias feitas em março deste ano.

Até o momento, o Banco Central informou que a moeda tecnológica, Real Digital, será garantida pelo órgão e as instituições financeiras irão guardar o dinheiro para os clientes que queiram optar pela modalidade. A criptomoeda é o futuro, assim como a moeda digital. Mas existe uma diferença entre uma e outra, as moedas digitais geralmente possuem um órgão central, mas são emitidas pelo meio digital. As criptomoedas usam algoritmos matemáticos e criptografia para existir, não havendo necessidade de um órgão central.

As criptomoedas foram criadas em 2009, com o Bitcoin, que já faz parte do sistema financeiro de países em todo o mundo. Em El Salvador, por exemplo, tornou- se o primeiro país a reconhecer o bitcoin como moeda oficial, as empresas deverão aceitar o pagamento na nova moeda, junto ao dólar, que desde 2001 tem sido a moeda oficial do país.

Fonte: Diário de Pernambuco; e site: valorinveste.globo.com;

#

No responses yet

Deixe uma resposta

Or

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *