Pres. Luiz Carlos (CDL Garanhuns); Pres. Frederico Leal (CDL Recife) e Pres. José de Andrade (CDL Olinda)

Terminou nesta manhã, o V Fórum Nacional do Comércio, realizado pela Confederação Nacional das Câmaras de Dirigentes Lojistas (CNDL) em Brasília. Neste ano o tema abordado foi “Transformações: política e comércio no pós-pandemia”. O propósito do fórum foi debater junto ao poder público, propostas para a melhoria do ambiente de negócios do país.

O presidente da CNDL, José César da Costa, falou sobre a garra que os empresários brasileiros tiveram nesse período de pandemia “essa pandemia mostrou a grande capacidade dos nossos empresários em se organizar e se adaptar às condições mais adversas”. Marcaram presença, nestes dois dias de evento, lideranças do varejo e representantes políticos como: Carlos Melles, presidente do Sebrae Nacional, Paulo Guedes, Ministro da Economia, Roberto Rocha, senador, os deputados federais, Darci de Matos, Marcelo Ramos e Paula Belmonte, e a presidente da ABRIG, Carolina Venuto.

A capital pernambucana foi representada pelos presidentes Frederico Leal (CDL Recife), Luiz Carlos (CDL Garanhuns) e José de Andrade (CDL Olinda). O presidente Frederico Leal, comenta sobre esses dois dias de evento, “o fórum é um evento enriquecedor, onde lojistas e varejistas, através da confederação e seus representantes, puderam ser ouvidos. A palestra do Ministro Paulo Guedes, trouxe otimismo com o encaminhamento da economia. Outro ponto interessante abordado pelos representantes do Sebrae, foi a força que a tecnologia, o digital, deu para os empresários, neste período pandêmico”. 

Enriquecendo a fala do presidente Fred, Luiz Carlos, presidente da CDL de Garanhuns, comentou sobre as reformas tributárias e administrativas, pautadas no fórum: “todas as palestras do fórum foram riquíssimas para nós representantes das CDLs, por exemplo, a PEC 110, que dentre os objetivos tem o de buscar formas de unificação de tributos e simplificação da cobrança. Conseguimos espaço também, para colocar em pauta, através da relatora, Paula Belmonte, a PL 2058, que visa normatizar e disciplinar as regras para o teletrabalho de empregadas gestantes afastadas por conta da pandemia.

Por último, o presidente da CDL Olinda, José de Andrade, reitera “como meus colegas falaram, esse encontro é de extrema importância, levar à Brasília problemas que acontecem nas pontas do país, e ser ouvido, é gratificante para nós. Tivemos uma palestra com o relator da autonomia do Banco Central, o senador, Silvio Costa Filho, que falou sobre a evolução dos meios de pagamentos, assunto de extrema relevância, porque com a tecnologia avançando, com certeza os meios de pagamento vão acompanhar a evolução”.

Pre. Luiz Carlos (CDL Garanhuns); Pres. José de Andrade (CDL Olinda); Senador, Silvio Costa Filho e Pres. Frederico Leal (CDL Recife)
#

No responses yet

Deixe uma resposta

Or

O seu endereço de email não será publicado.