Análises estão sendo realizadas todos os dias.

Em meio a crise que o mundo inteiro está vivenciando por conta do Coronavírus, os lojistas também precisam de ajuda. Alguns estabelecimentos chegaram a zero em faturamento e precisam de medidas que possam amenizar os prejuízos. 

No município de Santa Cruz do Capibaribe, agreste pernambucano, já no início desta semana, a grande parte do setor varejista já havia fechado. O Moda Center, que é o maior polo da cidade, por exemplo, estava de portas fechadas. “Mesmo com o comércio aberto essa semana houve uma queda de 75% nas vendas de tecido”, informa o Presidente da CDL de Santa Cruz do Capibaribe, Bruno Bezerra. 

Trabalhando para ajudar os associados da CDL, o Presidente Bruno já apresentou várias sugestões à Secretaria da Fazenda de Pernambuco, onde visa diminuir as perdas mais do que significativas no orçamento geral de todos as pessoas que foram prejudicadas.

O documento possui as seguintes reivindicações: 

Prorrogação do DAE 058-2 a partir da Comp. 20/2020

Prorrogação do DAE 05-1 a partir da Comp. 03/2020

Prorrogação ICMS DA SISTEMÁTICA sobre o consumidor não inscrito

Suspensão da taxa FUNTEC

Prorrogação da ICMS ref. a parcela do SIMPLES NACIONAL

Prorrogação das obrigações acessórias 

Solicitação de retirada do ICMS das contas de água e de luz de março e abril

Liberação automática nos postos fiscais de mercadorias essenciais

Diferimento do ICMS nas importações de mercadorias essenciais

Já na CDL de Araripina, o Presidente Leandro Batista informou uma queda de 70% nas vendas ao longo desta semana, num balanço geral dos associados da cidade. Entretanto, explicou que em alguns setores, como o de academia, por exemplo, o faturamento chegou a zero. “A minha sugestão é que se consiga uma linha de crédito com o Banco do Nordeste para termos assistência”, conclui. 

Engajado na luta do Movimento Lojista, o Presidente da FCDL-PE Eduardo Catão vem em contato com a CNDL e outras entidades desde a semana passada para sugerir medidas providenciais a favor de todos os nossos associados. “Estamos trabalhando a todo momento para conseguirmos melhorar a nossa situação e dos nossos parceiros e colaboradores”, afirma.  


#

No responses yet

Deixe uma resposta

Or

O seu endereço de email não será publicado.