O ano de 1984 foi de grande importância para o movimento lojista de Pernambuco. Nesse ano, treze Câmaras de Dirigentes Lojistas foram fundadas aqui no Estado. Hoje, 35 anos depois, elas seguem firmes e fortes lutando pelos interesses dos empresários do varejo e prestando serviço de qualidade para a população de suas cidades.

Afogados da Ingazeira, Belo Jardim, Bezerros, Limoeiro, Paulista, São Bento do Una, São Lourenço da Mata, Serra Talhada, Sertânia, Surubim, Tabira, Vitória de Santo Antão e Timbaúba são as CDLs que estão comemorando aniversário de 35 anos agora em 2019.

Quando uma CDL completa tanto tempo de existência reafirma sua importância para a cidade e para o movimento lojista do estado como um todo. “Uma entidade sólida tem uma representatividade muito significativa. Conseguimos, inclusive, impor respeito a alguns órgãos públicos, que nos procuram para debater estratégias para o comércio local”, afirma Glauco Queiroz, presidente da CDL Afogados da Ingazeira há três anos.

Um dos principais pilares comuns a todas as CDLs é o desenvolvimento do comércio local. Para isso, dentre alguma das ações desenvolvidas pela maioria das entidades, estão as campanhas de premiações e os cursos de capacitação. “A CDL é uma instituição sem fins lucrativos. Quem está à frente da entidade tem que ter vontade de contribuir e empenho para alavancar os negócios da CDL. As campanhas de datas comemorativas atraem os consumidores para comprar na cidade e os cursos profissionalizantes estimula os empresários a investir no seu comércio e fortalece sua relação com a CDL”, aponta José Oberto, presidente da CDL Tabira.

As CDLs também possuem desafios em comum. Se reinventar em meio a novas tecnologias e formas de consumo, atrair associados e capacitá-los são alguns deles. “Manter o comércio local competitivo, atrair novas empresas para nosso território e contribuir com  a evolução dos negócios dos nossos associados são alguns de nossos projetos para o futuro”, afirma Marcus Gusmão, presidente da CDL Serra Talhada.

Conheça mais do trabalho das CDLs Aniversariantes

Afogados da Ingazeira

Na cidade, a CDL vem se destacando com a implementação de algumas ações. A primeira delas foi a implementação do Núcleo de Dirigentes Lojistas (NDL) em Carnaíba. Além da instalação da NDL, a entidade também firmou parceria com plano de saúde com desconto para associados.

Outra iniciativa de destaque é o projeto de implementação de um núcleo digital na instituição para fornecer serviços de consultoria tecnológica para os empresários. “O comércio local vem sendo engolido pelo e-commerce e os empresários têm dificuldade em estar na internet. Por isso queremos implementar esse projeto para capacitá-los e com isso aumentar nossa competitividade”, explica Glauco.

Belo Jardim

A mais recente realização da CDL foi conseguir parceria com as três universidades da cidade, a FAEB, FAEJA e ULBRA, além da Unifavip, de Caruaru. Os associados e seus funcionários podem usufruir de desconto de 15% nos cursos de nível superior das instituições.

Limoeiro

A CDL foi fundada em 31 de maio de 1984, por iniciativa do empresário João Marques Júnior. Atualmente sob a liderança de José Nilo de Queiroz, a entidade conta com 230 sócios e é uma das maiores da Zona da Mata Norte pernambucana.

Um dos maiores feitos da CDL nesses anos foi a implementação do distrito moveleiro da cidade que gerou centenas de empregos para a cidade. “Nós estamos sempre buscando esse diálogo com a prefeitura. Ajudamos a implantar o distrito moveleiro com fábricas que trouxeram muitos empregos para a região. Esse foi o primeiro passo para tirar o Distrito Industrial de Limoeiro do papel”, explica o presidente José Nilo.

Paulista

Nos últimos anos a CDL Paulista vem trabalhando com grande afinco para melhorar o bem estar do consumidor no comércio no centro da cidade. Um exemplo foi a conquista da exclusividade da Rua Siqueira Campos, principal via de compras, apenas para pedestres.

No último ano, a entidade inaugurou em sua sede a Sala do Empreendedor. O espaço foi planejado para atender os empresários que desejam abrir ou expandir seus negócios na cidade, contemplando desde o MEI até grandes empresas. Com a parceria do Sebrae, o empreendedor também tem acesso a cursos de capacitação para ele e seus colaboradores.

São Lourenço da Mata

A CDL vem trabalhando junto à Prefeitura e demais órgãos públicos para contribuir com pautas como segurança e limpeza pública. Também está participando ativamente da revisão do Plano Diretor de São Lourenço da Mata, no qual está sendo pensado projetos para a cidade nos próximos dez anos.

A CDL irá comemorar seu aniversário com um jantar para os associados e demais colaboradores.

Serra Talhada
Uma das principais realizações da CDL é a tradicional ExpoSerra, feira de indústria, comércio e serviços que é realizada há 19 anos na cidade. Estandes são montados para que comerciantes locais possam apresentar seus produtos para possíveis clientes e parceiros, com a apresentação de novas perspectivas e possibilidades para fechamento e incremento de negócios.

A entidade também participou ativamente na consolidação do aeroporto Santa Magalhães e das negociações coletivas em parceria com o Sindcom.

Sertânia

Nos últimos anos uma das maiores conquistas da CDL de Sertânia foi a construção de uma sede própria, que de acordo com o presidente André Carlos fez com que a imagem da entidade melhorasse perante a sociedade. “Com a sede própria passamos a imprimir mais confiabilidade para a população, que passou a ver a CDL como uma entidade mais sólida com um atendimento diferenciado”, explica. Em 45 dias com a nova sede a CDL conseguiu adquirir mais vinte novos sócios.

No ano passado, a entidade realizou, em parceria com o Sebrae, a Semana do Empreendedor, uma feira de negócios que contou com estandes de empresas de variados seguimentos. O evento contou ainda com desfile de moda de lojas de roupas sócias da CDL e apresentações culturais.

A partir de agora o plano futuro é desenvolver a CDL prospectando novos sócios. “Sertânia é um município muito grande, o quarto maior do Estado. Com isso, tem muitos distritos e vilas que não estão no centro da cidade que tem um comércio desenvolvido. E é este público que queremos trazer agora para a CDL”, afirmou André.

Tabira

Com três meses à frente da CDL, o presidente José Oberto já conseguiu prospectar mais dez novos associados para a entidade. A CDL também promoveu uma palestra sobre vendas e atendimento em que teve o maior público de todos, com 203 participantes.

Atualmente a CDL está engajada na promoção da feira de empreendedorismo da cidade, que acontecerá entre os dias 12 e 14 de setembro, com exposição de marcas e produtos locais. “Já estamos na terceira edição da feira que vem crescendo ano após ano. Começamos com 22 estandes e esse ano vamos contar com 40 estandes que já estão todos vendidos”, comentou o presidente.

Timbaúba

A entidade foi pioneira na emissão de Certificado digital na cidade; promoveu feiras de negócios em parceria com o Sebrae e a Prefeitura e também participou do Movimento Novo Norte, projeto de iniciativa do Sebrae para promover o crescimento dos municípios de forma integrada, buscando melhorar a qualidade de vida da população.

A presença de mulheres na CDL Timbaúba se tornou uma marca para a entidade. Com 15 mulheres entre funcionárias, diretoras e presidente, atualmente, ela é uma das duas CDLs do Brasil composta apenas por mulheres no seu quadro de funcionários.

Os 35 anos serão comemorados com uma semana de eventos voltados para os empresários, colaboradores e a comunidade. Haverá palestras, caminhada e um passeio ciclístico.

#

No responses yet

Deixe uma resposta

Or

O seu endereço de email não será publicado.