Com a aproximação de mais uma data comemorativa, dessa vez o Dia dos Pais, o comércio pernambucano vem se preparando para intensificar as vendas e ver crescimento do setor em relação ao mesmo período do ano passado. Mesmo com os pernambucanos sensíveis à lenta recuperação econômica, de acordo com levantamento dos lojistas, a expectativa é que o aumento no volume de vendas no estado seja em torno dos 5%.

“Apesar do Dia dos Pais não ter a mesma força de vendas como outras datas como o Dia das Mães, ainda assim é uma importante data para o comércio. Esse dia motiva o consumidor a comprar. Por isso o lojista vem se preparando para aproveitar esse momento e alavancar as vendas neste segundo semestre, que é o que estamos precisando”, comenta Eduardo Catão, presidente da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Pernambuco (FCDL-PE).

De acordo com o presidente da CDL Caruaru, Adjar Soares, as boas vendas no mês de junho e julho devem acarretar em um crescimento para o Dia dos Pais. “Por Caruaru ser uma cidade-polo, já estamos com um movimento acentuado há alguns dias, principalmente no atacado. Como tivemos um bom mês de junho e julho, acredito que a tendência se manterá até a proximidade do Dia dos Pais, tendo um bom resultado geral”, afirma.

Dia dos Pais deve movimentar quase R$ 14 bilhões no varejo, projetam CNDL/SPC Brasil

A perspectiva dos dirigentes lojistas de Pernambuco aponta que vestuário, perfumaria e eletrônicos devem ser os setores que irão ter destaque nas vendas. De acordo com pesquisa da Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas (CNDL) e SPC Brasil, os brasileiros estão dispostos a pagar, em média, R$ 149, 27 no presente para os pais.

Seguindo a visão positiva do comércio para o segundo semestre, apontada em pesquisa da CNDL e SPC Brasil, as vendas para o Dia dos Pais deve ser o pontapé inicial para o crescimento do varejo na segunda metade do ano. “Apesar de achar que as vendas já poderiam estar melhores, há uma perspectiva positiva e a tendência é que no segundo semestre tenha um aquecimento do setor começando agora pelo Dia dos Pais”, afirma Manoel Vilmar, presidente da CDL Petrolina. Na cidade, acredita-se que o crescimento supere ao do ano passado que foi 2% maior em relação ao Dia dos Pais de 2016.

Ainda de acordo com levantamento da CNDL e SPC Brasil, os shopping centers e as lojas onlines serão os locais mais procurados pelos brasileiros na hora de comprar o presente dos pais. Segundo dados, 37% e 32% dos brasileiros irão procurar esses lugares, respectivamente, para realizar as compras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *