O presidente da CNDL, José César da Costa, se reuniu na tarde desta terça-feira (17) com o assessor do senador Armando Monteiro (PTB/PE), José Osvaldo Cândido. Na pauta da reunião está o projeto de lei que cria a Duplicata Eletrônica, uma das propostas defendidas pelo Banco Central para modernizar a área de crédito no Brasil.

Na ocasião, o Sistema CNDL se manifestou contrário à gratuidade da informação a qualquer pessoa e sugeriu que essa seja dada apenas ao devedor interessado. Foi solicitado ainda a manutenção da não obrigatoriedade do protesto cartorial das duplicatas registrais diante da sua especificidade, conforme determinado pelo texto original projeto.

Participaram também da reunião o coordenador de Relações Institucionais e Governamentais do SPC Brasil, André Pellizzaro, e o diretor de Relações Institucionais e Governamentais da Serasa Experian, Julien Dutra.

Fonte: CNDL

#

No responses yet

Deixe uma resposta

Or

O seu endereço de email não será publicado.